Empréstimos - Giro Insumo Estoque Empréstimos - Giro Insumo Estoque

O giro certo para a aquisição de matérias-primas, mercadorias e insumos.

Ninguém chega aonde quer chegar sem capital de giro. E o Banco do Nordeste facilita este caminho com o Giro Insumos/Estoque  feito sob medida para  seu empreendimento, garantindo o dia-a-dia da sua empresa, na hora de comprar insumos, matérias primas e mercadorias.
 

 

Finalidade

Apoiar a produção industrial e agroindustrial e as atividades turística, comercial e de prestação de serviços da Região mediante o financiamento da aquisição isolada do que se segue:

  • Matérias-primas e insumos utilizados no processo produtivo de indústrias e agroindústrias;
  • Mercadorias, inclusive máquinas, veículos utilitários, aeronaves, embarcações ou equipamentos, destinados à constituição de estoques de empresas comerciantes desses bens;
  • Insumos utilizados por empresas turísticas;
  • Insumos utilizados por empresas de prestação de serviços ou empresas do setor de infra estrutura.

 

Público-alvo

Empresas industriais, agroindustriais, turísticas, comerciais e de prestação de serviços (empresários cadastrados na junta comercial e pessoas jurídicas) que se enquadrem no público-alvo dos programas de crédito.


Fonte de Recursos

Cada operação será contratada, obrigatoriamente, mediante a utilização dos seguintes recursos:

  • Recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE);
  • Recursos Internos do Banco (RECIN).
     

Em cada operação, os recursos de cada fonte serão utilizados, obrigatoriamente, nas seguintes proporções, aplicadas sobre o valor do orçamento da proposta de financiamento, observados os limites da Tabela 1 adiante.

a) Operações com microempresas, pequenas  e pequenas-médias empresas: até 100% de recursos do FNE ;

b) Operações com médias empresas: No máximo, 90% de recursos do FNE e, no mínimo, 10% de RECIN;

c) Operações com grandes empresas: No máximo, 80% de recursos do FNE e, no mínimo, 20% de RECIN.

 

Limites de Crédito para a Fonte de Recursos do FNE.

Tabela 1 - Limites de Financiamento  (em R$ 1,00) - Máximo  do FNE

Porte do Proponente

MUNICÍPIOS

Proponente

Do semiárido de baixa renda, das mesorregiões e RIDEs (1)(2)

Outros municípios
  Máximo FNE Máximo FNE
Micro

270.000,00

200.000,00

Pequena

2.300.000,00

1.700.000,00
Pequena-média
10.000.000,00
7.800.000,00
Média
25.000.000,00
19.000.000,00
Grande  30.000.000,00 24.000.000,00

 

(1) Municípios localizados no semiárido e os municípios de baixa renda .

(2) Os municípios da Região Administrativa Integrada de Desenvolvimento (RIDE) do Polo Petrolina e Juazeiro são os seguintes: Lagoa Grande, Orocó, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista, em Pernambuco, e Casa Nova, Curaçá, Juazeiro e Sobradinho, na Bahia. Os municípios da RIDE da Grande Teresina são os seguintes: Altos, Beneditinos, Coivaras, Curralinho, Demerval Lobão, José de Freitas, Lagoa Alegre, Lagoa do Piauí, Miguel Leão, Monsenhor Gil, Nazária, Teresina e União, no Piauí, e Timon, no Maranhão.



Prazo

Até 24 meses, aí já incluída carência de até 3 meses,  no caso de empresas prestadoras de serviços. No caso das demais empresas o prazo será de  até 36 meses, aí já incluída  carência de 06 meses. Observar, ainda, o que se segue:

  • As datas (dia, mês e ano) de vencimento das prestações de principal da parte da operação contratada com RECIN serão fixadas, obrigatoriamente, para as mesmas datas (dia, mês e ano) de vencimento das prestações de principal da parte contratada com recursos do FNE;
  • O prazo total e a carência serão compatíveis com a atividade financiada

 

Garantias

Fidejussória (aval  ou fiança)  e Fundo de Liquidez representado por duplicatas, cheques e outros recebíveis, além de aplicação financeira no BNB ou garantia hipotecária.


Encargos

Além de IOF e tarifas, conforme a regulamentação vigente :

Recursos do FNE.

Juros às taxas efetivas abaixo descritas, reajustáveis periodicamente pelo Governo Federal:

a) Para as operações com grandes empresas: taxa efetiva de 15,23% a.a., aplicável às operações contratadas a partir de 01/04 até 31/12/2017;

b) Para as demais operações: taxa efetiva de 13,08% a.a., aplicável às operações contratadas a partir de 01/04 até 31/12/2017.
 
Bônus de Adimplemento: 15% sobre os juros, concedido exclusivamente se o mutuário pagar as prestações (juros e principal) até as datas dos respectivos vencimentos, independentemente do porte do mutuário e da localização do empreendimento financiado.

 

Recursos Internos (RECIN):

Juros: conforme divulgado, especificamente para este Programa, pela Área Financeira diariamente.

 

Reembolso

Prestações iguais, mensais e sucessivas.


Desembolso

Será feito em favor do fornecedor dos itens financiados ou diretamente ao mutuário, exigindo-se, em qualquer caso, apresentação prévia da nota fiscal.

 

Converse com o gerente! De conterrâneo para conterrâneo!