Notícias sobre Inovação

Fique por dentro das principais notícias sobre a atuação inovadora do Banco do Nordeste.

15/04/2020 | Banco do Nordeste lança edital de apoio à inovação para combate à Covid-19

Fortaleza (CE), 15 de abril de 2020 – O Banco do Nordeste, por meio do Fundo de Desenvolvimento Econômico, Científico, Tecnológico e de Inovação (Fundeci), lança hoje, 15, Edital de Apoio à Inovação para Combate ao Novo Coronavírus. O objetivo é fomentar o desenvolvimento de soluções que contribuam para pesquisa e inovação no combate à doença e aos seus efeitos sobre o sistema de saúde, do bem-estar social e produtivo.

 
Os recursos, no valor de R$ 5 milhões, destinam-se a micro, pequena e pequena-média empresas, a título de subvenção econômica e em caráter não reembolsável. O período de cadastro dos proponentes e envio de propostas segue até dia 29 de abril. O resultado da seleção será divulgado em 5 de junho.
 
As empresas devem apresentar projetos voltados para o desenvolvimento de soluções que possibilitem diagnóstico rápido da doença a custo competitivo, de produtos que contribuam para o  tratamento da Covid-19, a exemplo de respiradores artificiais, bem como de soluções que ajudem a otimizar protocolos de atendimento a pacientes, como softwares, hardwares, aplicativos, dentre outros.
 
Inclui-se também o desenvolvimento de ferramentas que permitam, de forma remota, o diagnóstico, tratamento e prevenção da doença, proporcionando escalabilidade neste tipo de atendimento. E como forma de reduzir a capacidade de proliferação da Covid-19, estão abrangidas tecnologias voltadas para limpeza e desinfecção de áreas de trabalho, ambientes hospitalares e residências, incluindo equipamentos e centrais de ar-condicionado.
 
Prevenção e controle
 
O edital objetiva, ainda, o desenvolvimento de ferramentas de prevenção, monitoramento e controle da disseminação do vírus e de soluções que proporcionem melhores condições ao indivíduo em situação de confinamento domiciliar no período de quarentena e a seus familiares, a exemplo de monitoramento a distância, isolamento e fornecimento de serviços, como auxílio psicológico, limpeza e alimentação.
 
Enquadra-se também o desenvolvimento de soluções para simplificação e aceleração da produção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), utilizados por profissionais da saúde, e de outros instrumentos ou equipamentos para proteção da população. Inteligência artificial e de tecnologias digitais que favoreçam o atendimento de pacientes com sintomas de Covid-19 e a melhoria da gestão do sistema de saúde fazem parte das finalidades.
 
Além de outras soluções importantes no combate à doença e a seus efeitos que poderão ser consideradas, o edital abrange soluções para facilitar a transformação digital das empresas, permitindo sobrevivência e competitividade em situação de crise provocada pela Covid-19, na medida em que possibilitem adaptar processos físicos para processos digitais. Exemplo é o atendimento digital de clientes com chatbots, marketplaces para comercialização de produtos e serviços, meios de pagamento digitais, assinatura e certificação digital, etiquetas digitais, sensoriamento e rastreamento de bens e serviços com blockchain, gestão de times em trabalho remoto, dentre outros.
 
Estão habilitadas a participar empresas sediadas na área de atuação do Banco do Nordeste - os nove estados da Região e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo –, podendo ser apresentados projetos cooperativos, ou seja, os que contemplem parcerias entre a empresa proponente e instituições de ensino superior, de assistência técnica e extensão rural, governamentais ou não, e de ciência e tecnologia, assim como institutos de educação, ciência e tecnologia (IFEs).
 
Cada projeto poderá receber de R$ 60 mil a R$ 500 mil em apoio financeiro do Banco do Nordeste. A contrapartida da empresa deverá ser de, no mínimo, 10% do valor total do projeto, podendo ser do tipo financeira (aporte de recursos monetários) e/ou não financeira (custos previstos e relacionados ao projeto).
 
Itens financiáveis
 
Dentre os itens financiáveis, destacam-se remuneração de pessoal, aquisição de equipamentos e material permanente (aparelhos, máquinas, equipamentos de informática, mobiliários), materiais de consumo (material de expediente e matéria-prima), serviços de terceiros para aquisição de tecnologias, licenças, certificações, patentes e know-how; avaliação de desempenho (inspeção, ensaios, testes de conformidade, certificação, desenvolvimento e teste de protótipos e de conceitos, de materiais e de processos).
 
Também serão financiáveis despesas acessórias com importação, elaboração de plano de marketing, contratação de especialistas e/ou consultores técnicos de apoio, hospedagem, despesas de locomoção, alimentação, licenças de software, realização de serviços de monitoramento tecnológico, prova de conceitos e de segurança, serviços relacionados ao registro de patenteamento de soluções desenvolvidas, bem como despesas administrativas (aluguel, energia elétrica, água, internet, transporte, telefone e contabilidade).
 
Serviço
 
Empresas interessadas devem se cadastrar e inscrever os projetos no Sistema de Gerenciamento de Convênios do Banco do Nordeste, no endereço eletrônico www.bnb.gov.br / conveniosweb, no link
202001 – EDITAL FUNDECI 01/2020 – SUBVENÇÃO ECONÔMICA – Apoio à Inovação para Combate ao Novo Coronavírus, conforme instruções constantes no Anexo IV.


Contatos

Banco do Nordeste
Ambiente de Programas Especiais e de Fundos de Pesquisa
Endereço: Av. Dr. Silas Munguba, 5.700, Bloco A2 – Térreo, Passaré (Fortaleza-CE), CEP.: 60.743-902 ou pelo Centro de Relacionamento do Banco do Nordeste: 0800-728-3030 / relacionamento@bnb.gov.br.

04/03/2020 | Banco do Nordeste encerra na sexta inscrição para startups interessadas em coworking

Salvador, 4 de março de 2020 – O Banco do Nordeste recebe, até sexta-feira, 6, pela internet, inscrição para startups interessadas em ocuparem espaços de coworking. As 21 vagas distribuem-se no Hub de Inovação do BNB em Recife (10), em Fortaleza (6) e em Salvador (5). O edital com condições de participação e o formulário para preenchimento podem ser acessados em https://www.bnb.gov.br/inovacao/editais/. O resultado será divulgado em 13 de março.

A seleção está aberta a empresas de todos os Estados nordestinos, do norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, que trabalhem soluções para agronegócios; concessão, administração e recuperação de crédito; economia criativa; educação – edtechs; energias renováveis; espaços inteligentes; finanças - fintechs; microfinanças e inclusão financeira para microempreendedores; negócios de impacto social;  saúde - healthtech; e serviços e processos de gestão para micro e pequenas empresas.

As startups devem propor modelo de negócio aplicável na área de atuação do Banco do Nordeste, podendo usar como endereço fiscal os espaços de coworking e usufruir de todas as vantagens que os equipamentos oferecem. São exemplos as possibilidades de participação em eventos de fomento ao ecossistema de inovação, newtworking, compartilhamento de experiências e conhecimentos e redução de custos de salas de reuniões e internet.

20/02/2020 | Financiamentos para Inovação

20/02/2020 | FNE Inovação

FNE Inovação

Objetivo: promover atividades e empreendimentos inovadores, por meio do apoio financeiro ao desenvolvimento ou aprimoramento significativo de produtos, serviços e ou processos, com ênfase na busca de um melhor posicionamento competitivo e novas oportunidades de mercado para empreendedores e empresas da Região; promover o desenvolvimento da indústria regional de software e das empresas prestadoras de serviços de tecnologia da informação e comunicação (TIC), de forma a ampliar a sua participação no mercado nacional e internacional, incentivar o processo de pesquisa, desenvolvimento e inovação (P,D & I) e estimular a melhoria da qualidade dos produtos, serviços e processos.


Consulte condições

 

19/02/2020 | Primeira linha de crédito da América Latina para startups marca inauguração de hub de inovação do BNB no Porto Digital

Recife (PE), 13 de fevereiro de 2020 – O Banco do Nordeste é pioneiro ao lançar o programa de crédito FNE Startup, única linha de financiamento bancário para startups na América Latina. A inovação foi apresentada na noite desta quinta-feira, 13, pelo presidente do Banco, Romildo Rolim, em Recife. A linha estará disponível a partir de amanhã, 14, para contratação em todas as agências do BNB. Em Pernambuco, o Banco dispõe de 40 agências distribuídas pela capital e interior do Estado.

“O BNB tem se posicionado como um dos mais atuantes players fomentadores de ecossistemas inovadores em nossa área de atuação. Já vínhamos aportando recursos com taxas diferenciadas para alavancar o potencial inovador do Nordeste, norte de Minas Gerais e norte do Espírito Santo, por meio do FNE Inovação e das unidades do nosso Hub em Fortaleza e Salvador. Hoje, avançamos dois importantes passos nesta escalada, com a inauguração do Hub em Recife, por meio da parceria de peso com o Porto Digital, que alia toda sua maturidade à nossa expertise de Banco de desenvolvimento e com o anúncio do início da operacionalização do FNE Startup, que pode financiar operações de até R$ 200 mil reais com a menor taxa de juros do País”, comemora o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim.

Para o presidente do Porto Digital, Pierre Lucena, a chegada do Hub do Banco do Nordeste é um grande momento não só para o Porto Digital, mas para Pernambuco. “Os programas de empreendedorismo e o ecossistema de inovação só têm a ganhar com essa parceria", frisa.

FNE Startup

Empresas e empresários classificados como microempresa ou empresa de pequeno porte, de acordo com a Lei Geral das MPEs, e Microempreendedores Individuais (MEI), caracterizados como startups, terão disponíveis montante de R$ 2,9 milhões para financiamento de projetos de inovação de produtos, serviços, processos e métodos organizacionais.

O FNE Startup visa fomentar o empreendedorismo, atraindo e mantendo, nos nove estados da Região e no Norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, capital humano e modelos de negócios com alto potencial de crescimento por meio de apoio a startups de base tecnológica.
 
Os financiamentos contemplarão aquisição de bens de capital, folha de pagamento, despesas de remuneração de estagiários, capital de giro, quando exclusivamente associado ao investimento, treinamento, capacitação, aluguel de equipamentos e outros bens e serviços necessários à viabilização do projeto de inovação. Também serão financiáveis despesas com coworking, prestação de serviços especializados,  propaganda, publicidade e paid ads, bem como serviços de armazenamento de dados, a exemplo da contratação de serviços de Cloud Infrastructure (servidor, armazenamento, serviços de manutenção) e gastos relacionados à Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).
 
Poderão ser financiados até R$ 200 mil por projeto, sendo o limite de financiamento de até 100% de seu valor.

Inauguração

Por meio da parceria entre o BNB e o Porto Digital, foi inaugurado nesta quinta-feira, 13,  o Hub de Inovação Banco do Nordeste em Recife. O equipamento tem como principal objetivo colaborar para o desenvolvimento regional, por meio do apoio ao empreendedorismo inovador. A iniciativa, que tem como público prioritário startups e micro e pequenas empresas (MPEs).

Durante o evento, foi assinado contrato de financiamento com a startup pernambucana “Manda Aí”, por meio da linha de crédito FNE Inovação, no valor de R$ 50 mil. A empresa é sediada no município de Caruaru. A contratação aponta para o modelo adotado pelo BNB que alia acesso ao crédito e suporte à inovação para empreendedores da área de atuação do Banco.

A atuação do Hub de Inovação Banco do Nordeste será focada na ampliação do potencial competitivo, aumento da produtividade e receita das empresas pernambucanas, visando contribuir com o ecossistema pulsante já impulsionado pela atuação do Porto Digital. O objetivo do Banco é colaborar como agente de crédito e suporte estratégico para a geração de mais oportunidades de emprego e renda.

O Banco do Nordeste foi o primeiro banco público a criar um hub  de inovação. Atualmente, o Hub dispõe de 3 unidades, com espaços de coworking em Fortaleza (inaugurada em 2017), em Salvador (inaugurada em 2018) e agora em Recife. Em cada uma delas há espaço para abrigar 10 startups residentes. No momento, o Edital 2020 está com inscrições abertas para 21 vagas, assim distribuídas: 10 para Recife, 6 para Fortaleza e 5 para Salvador.

Mais informações: bnb.gov.br/inovacao


Fale com o Hub de Inovação

inovacao@bnb.gov.br


 Hub de Inovação  Fortaleza

Av. Silas Munguba, 5700 - Passaré, Fortaleza/CE

 Hub de Inovação  Salvador

Av. da França, 393 - Comercio, Salvador/BA

 Hub de Inovação  Recife

Rua  do Apolo, 235 - Recife, PE