Ambiente de Comunicação

Gerente: Evangelina Leonilda Aragão Matos
(evangelina@bnb.gov.br)

Assessoria de Imprensa

Institucional: imprensa@bnb.gov.br

Endereço: Av. Dr. Silas Munguba, 5.700. Passaré
Fortaleza (CE)
Telefone: 85 3299-3301 / 85 3299-3149

Gerente Executivo: Francisco Maxshwell dos Santos de Oliveira
(max.oliveira@bnb.gov.br)


Voltar

Banco do Nordeste apoia seminário de monitoramento e avaliação

Fortaleza, 3 de novembro de 2015 – Já estão abertas as inscrições para o VII Seminário da Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação (RMBA). Com apoio do Banco do Nordeste, o evento acontece nos próximos dias 25, 26 e 27 de novembro, em Belo Horizonte (MG), no Campus Brasil da Fundação João Pinheiro (Av. Brasil, 674, Santa Efigênia).  O objetivo é fomentar a apresentação e a análise crítica de diferentes tipos de práticas avaliativas, promovendo o debate, o amadurecimento ético-político e o aprofundamento técnico da área de avaliação no Brasil.

Na oportunidade, haverá intensa programação de palestras, minicursos, workshops, conferências, painéis e sessões de apresentação de trabalhos, sempre ao redor do tema “Diversidade na avaliação: múltiplos olhares e abordagens” . Estarão presentes representantes de universidades, terceiro setor, governos estaduais (principalmente secretarias de planejamento) e municipais, e legislativos estaduais.

As inscrições para os painéis ou minicursos podem ser feitas por meio do site http://rbma.net.br. Elas custam entre R$ 100 e R$ 200, separadamente, e de R$ 150 a R$ 300 para ambos, dependendo da categoria (profissionais, estudantes de graduação, estudantes de pós-graduação e profissionais sócios da Rede). Estudantes de graduação membros da RBMA são isentos do pagamento da taxa, mas também devem se inscrever.

A Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação (RBMA) é a única plataforma no país que reúne gestores, agentes públicos, órgãos de fomento, professores, pesquisadores, estudantes e demais interessados na avaliação dos setores público e privado. A RBMA tem como missão fortalecer a cultura de monitoramento e avaliação de políticas públicas e programas sociais no Brasil por meio do intercâmbio de experiências e conhecimentos.