Pular para o conteúdo

Sala de Imprensa

 
 

Voltar

Maio tem programação de artes cênicas no Centro Cultural Banco do Nordeste de Fortaleza

Fortaleza (CE), 05 de maio de 2015 – Neste mês de maio, o Centro Cultural Banco do Nordeste apresenta programação de Artes Cênicas para o público de Fortaleza. As principais atrações são as performances da companhia de danças Lia Rodrigues e do grupo Bagaceira de Teatro, que comemoram 25 e 15 anos de atuação, respectivamente.

Nessa quarta-feira, 6 de maio, Lia Rodrigues promove a oficina Corpo Criativo, que visa estimular a criatividade dos participantes, por meio de exercícios e jogos utilizados nos processos de criação. Ela também apresenta os espetáculos “Pindorama” e “Aquilo de que somos feitos”, nos dias 7, 8 e 9 de maio (quinta a sábado), ambos reconhecidos internacionalmente.

Para celebrar seus 15 anos, o Grupo Bagaceira de Teatro encena o espetáculo “Interior” (dias 21, 28 e 30), uma homenagem aos artistas nordestinos e aos costumes do povo interiorano. Trata-se de um atestado de que a cultura do Nordeste jamais será engolida pelo tempo e, ao contrário do que se pensa, permanece moderníssima, capaz de dialogar com o mundo inteiro.

Teatro
Nos dias 8 e 15, acontece “O Romance de Creusa e Evangelista”, montagem que mergulha nas tradições do Teatro de Boneco Popular e sua espirituosidade, apresentando uma história de amor pontuada por elementos da luta do oprimido contra a opressão.

A peça Anônimos (dia 14) vai mostrar um dia de visitas em um abrigo de idosos, no qual as personagens relembram um passado povoado de tristezas, mas também de alegrias, amores e sonhos que se renovam a cada amanhecer.

Tudo ao Mesmo Tempo Agora (dia 16) narra a história de Úrsula Laura, em um jantar para desconhecidos. O público vai assistir à preparação desse jantar, enquanto a personagem fala do desejo de abandonar a vida de dona de casa para ser bailarina.

Em Boi Estrela (dias 22 e 29), o personagem Mateus recebe a ordem de tomar conta do animal, na ausência do patrão. Ao tentar saciar o desejo da esposa grávida do décimo terceiro filho do casal, Mateus acaba em uma enrascada.

Artes Integradas
Também haverá performances em instituições parceiras do CCBNB-Fortaleza, dentro do programa Artes Integradas. Uma delas é o Espetáculo Mundaréu de Comfusão (dias 8, 9, 14 e 16), que leva para o palco características fortes das cinco regiões brasileiras, trazendo personagens marcantes representados por meio de um rico repertório de danças (Caboclinhos, Boi do Maranhão, Maxixe, Coco, Xaxado, Xote, Carimbó, Lundu etc).

Em Mais Uma Grande Besteira (dias 12 e 19), dois palhaços buscam apresentar um número de grande porte, digno dos maiores espetáculos circenses. Dessa forma, fazem uma preparação e convocatória para a realização de um sensacional, fantástico e perigosíssimo número artístico. Assim, os dois iniciam sua apresentação que, ao final, se revela como sendo Mais Uma Grande Besteira.

Oficinas
Nas quartas-feiras (6, 13, 20 e 27), o facilitador Hiroldo Serra promove Oficina de Iniciação Teatral, na Casa da Comédia Cearense. O programa objetiva permitir a inclusão de crianças e adolescentes, alunos da rede escolar pública, no fascinante mundo da arte teatral.

Também haverá oficinas de circo (às terças-feiras) e de dança de salão (às terças e quintas-feiras, também na Casa da Comédia Cearense. No primeiro caso, as aulas têm como objetivo ensinar o circo de maneira lúdica, visando aproveitar os benefícios que o mesmo traz para o desenvolvimento das crianças. Na dança de salão, serão trabalhados os seguintes ritmos: samba de gafieira, forró, tango e salsa.

Teatro Infantil
As crianças também terão direito à programação teatral. Nos dias 9 e 16, o grupo CTA encena a peça “Não tem dois pais?”. A história trata da surpresa que dois homens têm ao encontrar um bebê na porta de casa. Após muitas trapalhadas, eles decidem adotar a criança.

Em “As Aventuras de João Sortudo” (dia 30), João Sortudo é mandado de volta à casa de sua mãe. Durante o caminho, passa por diversas situações que lhe trazem bons aprendizados. Trata-se de um espetáculo leve e capaz de tocar de forma sensível e divertida qualquer público, de qualquer idade.

Desculpe nossa interferência, mas seu navegador não suporta a tecnologia utilizada neste portal.

Procure atualizar o seu navegador para a última versão disponível ou utilize uma das sugestões gratuitas e modernas listadas abaixo:

Chrome 18 ou +Firefox 19 ou +IE9 ou +
x