Financiamento Especial para Estocagem de Produtos Agropecuários (FEE) Financiamento Especial para Estocagem de Produtos Agropecuários (FEE)

Objetivo

Financiar a Estocagem de Produtos Agropecuários pelo produtor rural, permitindo o armazenamento e a conservação de seus produtos para venda futura em melhores condições de mercado.

O que financia

O programa financia a estocagem de produtos agropecuários, disponibilizando recursos financeiros ao cliente, de modo que permita o armazenamento e a conservação de seus produtos para venda futura em melhores condições de mercado, tendo por base o preço mínimo dos produtos amparados pela Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) ou preço de referência dos produtos, admitidos ágios e deságios definidos pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) de acordo com o tipo e qualidade do produto.

Público-Alvo

Produtores rurais (pessoas físicas, inclusive empresários registrados na junta comercial, e pessoas jurídicas) e produtores de sementes(pessoas físicas, inclusive empresários registrados na junta comercial, e pessoas jurídicas) inscritos no Renasem.

Fontes de recursos

  1. Poupança rural;
  2. Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE);
  3. Recursos Livres de LCA (somente em operações com mutuários de médio e grande porte, assim classificados conforme os parâmetros do FNE);
  4. Recursos obrigatórios.

Prazo

Conforme a previsão da comercialização do produto, os seguintes prazos máximos, para produtos e sementes:

  1. Feijão e  feijão caupi - Até 90 (noventa) dias;
  2. Algodão em caroço -  Até  90 (noventa) dias, sendo que, o prazo poderá ser estendido por mais 150 (cento e cinquenta) dias, desde que ocorra a substituição por algodão em pluma;
  3. Açaí, arroz, borracha natural, café, castanha do Brasil, farinha de mandioca, fécula de mandioca, goma e polvilho, juta e malva embonecada e prensada, milho, soja, sorgo, sisal, trigo e sementes - Até 180 (cento e oitenta) dias;
  4. Algodão em pluma, caroço de algodão, cera de carnaúba e pó cerífero e leite - Até 240 (duzentos e quarenta) dias;
  5. Andiroba (amêndoa), babaçu (amêndoa), baru (fruto), cacau (amêndoa), cacau cultivado (amêndoa), juçara (fruto), laranja, macaúba (fruto), mangaba (fruto), pequi (fruto), piaçava (fibra), pinhão (fruto), e umbu (fruto) - Até 120 (cento e vinte) dias

Juros

  • Fonte FNE* -  São as seguintes:
Porte Integrais (%)** Com bônus (%)**
Produtor Rural e Produtor de sementes e mudas classificado como Miniprodutor, Pequeno porte e Pequeno-médio porte 4,56 4,45
Produtor Rural e Produtor de sementes e mudas de Médio I porte 4,81 4,67
Produtor Rural e Produtor de sementes e mudas de Média II e Grande porte 5,05 4,88
**Encargos financeiros (anuais)    

 

  • Recursos da Poupança Rural e Recursos Livres de LCA: taxa de juros vigente à época da aprovação/contratação da operação;
  • Recursos Obrigatórios*:  taxa de juros de 6% a.a.
    *Condições atuais(operações contratadas no período de 01/07/2020 a 30/06/2021) sujeitas a alterações.

Tarifas e IOF

Conforme a regulamentação vigente.

Garantias

As garantias serão, cumulativa ou alternativamente:

  1. Aval;
  2. Fiança (exceto em operações com recursos livres/LCA);
  3. Penhor;
  4. Hipoteca;
  5. Alienação fiduciária (exceto em operações com recursos livres/LCA).

OBS: Em qualquer hipótese é obrigatório vincular à operação o penhor do produto estocado ou seus derivados.

Acesso ao Financiamento

Com cadastro e limite de crédito aprovados no Banco do Nordeste, apresentar a Proposta de Crédito.

Você pode solicitar seu crédito pela internet


Solicite seu Crédito