Institucional

Conheça a trajetória do Centro Cultural Banco do Nordeste.

O Banco do Nordeste, enquanto instituição de desenvolvimento, reconhece o papel destacado da cultura no fortalecimento da coesão social, na geração de renda, no aumento do capital social e humano da Região Nordeste, o que contribui para o crescimento regional, para a aquisição de habilidades e para a afirmação da imagem de uma identidade nordestina que se reconhece universal.

A atuação do Banco do Nordeste na área cultural tem por base a democratização do acesso às manifestações artístico culturais, o apoio à produção, fruição, circulação e formação artístico-culturais, a concessão de crédito às atividades econômicas da área cultural, visando o fortalecimento de cadeias produtivas da cultura, e o incentivo à realização de estudos e pesquisas sobre a cultura, em suas dimensões econômica e social, para o desenvolvimento da região.


As ações de cultura do Banco do Nordeste são materializadas pela ação estratégica Banco do Nordeste Cultural, pela programação promovida nos Centros Culturais Banco do Nordeste, localizados em Fortaleza-CE, Juazeiro do Norte-CE e Sousa-PB, pelos Acervos Histórico e Artísticos do Banco do Nordeste, localizados no Centro Administrativa Presidente Getúlio Vargas (CPGV), em Fortaleza-CE, e pelo Patrocínio Cultural.

Banco do Nordeste Cultural

O Banco do Nordeste Cultural é uma estratégia voltada para o fortalecimento das cadeias produtivas da cultura nordestina, como também para a construção do Banco do Nordeste como uma instituição que apoia os segmentos da economia da cultura na sua área de atuação. Para isso, as ações do Banco do Nordeste Cultural são desenvolvidas de forma integrada, disponibilizando atividades em todos os estados do Nordeste.


Os focos de atuação do Banco do Nordeste Cultural são o fortalecimento dos agentes produtivos por meio de apoio e incentivo financeiro, o desenvolvimento de estratégias que ampliem a circulação de artistas nordestinos, a promoção de ações formativas que fortaleçam profissionalmente os artistas, a realização de pesquisas que tragam informações sobre o mercado e os agentes produtivos, a aproximação da cultura com as ações desenvolvidas pela área de inovação e a aproximação da cultura com a ação de crédito.


Dessa forma, as ações desenvolvidas perpassam pelos Acervos Histórico e Artístico do Banco do Nordeste, pelos Centros Culturais do Banco do Nordeste, pela ocupação de equipamentos culturais e pelo Patrocínio Cultural.
 

Prêmios

O BNB recebeu Selo de Responsabilidade Cultural do Ceará nos anos 2004 a 2008 e em 2010, certificado pela Secretaria de Cultura do Estado do Ceará.

O Governo do Estado do Ceará lança o Selo em 2004, instituído pela Lei no. 13.426, de 30 de dezembro de 2003, com o fim de promover o reconhecimento público às pessoas jurídicas de direito público ou privado, com ou sem fins lucrativos, que comprovadamente apoiem o desenvolvimento da cultural no Estado do Ceará.

2004 e 2006  - Categoria Diamante

2005 – Categoria Empresa Pública

Selo Responsabilidade Cultural 2007 e 2008

Destaque Empresarial prêmio Responsabilidade Cultural do Ceará 2010